You are currently browsing the monthly archive for Fevereiro 2009.

A forma como cuidamos de nós mesmos hoje,
determina que tipo de vida teremos nos futuro. Duvidas?

A maioria dos jovens vive como se fosse ter saúde para sempre.
Esquecem-se que o mundo caminha para a entropia (def. de entropia: estado de desordem, destruição).
E se não bastasse o simples facto de que estamos constantemente a morrer (trágico, mas verdadeiro), ainda gostamos de viver nos limites: dormir o mínimo possível, comer o máximo possível, fazer tudo ao máximo, sem pensar nos efeitos.
Esta é, de certeza, a forma mais comum de suicídio inconsciente.

“Que horror, Marisa!! Tás ‘ta passar?!”

heheheh! ok, ok, já chega de vos assustar. MAS, se por acaso, ao olhar pró teu dia-a-dia, encontras sinais de suicídio inconsciente, pensa comigo um pouco.
Este tipo de comportamento auto-destrutivo que é tão comum nos jovens (ver televisão horas a fio, jogar sem parar, comer só doces, ou só fritos, deitar tarde, acordar tarde, ler só à noite, rapar um briol do caneco só para vestir-se mais cool, etc., etc., etc.), combina com a vida do cristão?

Ser cristão é viver para Deus. É encontrar na Sua companhia e na Sua vontade, a alegria da alma. É escolher “Fazer Deus Sorrir” como o propósito da tua vida. E a Bíblia deixa-nos muito claro o quanto Deus ama a TUA vida (corpo inclusivé).

Romanos 5:8 > Mas Deus prova o seu próprio amor para connosco pelo facto de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores.
Apocalipse 5:9 > Porque foste [Jesus] morto, e com o Teu sangue compraste para Deus os que procedem de toda a tribo, língua, povo e nação [ou seja, toda a gente].
Romanos 14:7,8 > Nenhum de nós vive para si mesmo, nem morre para si. (…) Pois, quer vivamos ou morramos, somos todos do Senhor.

Se achas que a tua saúde não é assim tão importante, pensa de novo! O teu corpo e a tua mente foram comprados pela VIDA de Jesus.
Não há nada mais valioso no Universo.

“Aquilo que o homem semear, isso também ceifará.” (Gal.6:7)

Ter cuidado com a saúde dá mais trabalho, é verdade. Mas é, de longe, muito mais compensador. Depois que os teus esforços para ter mais saúde transformarem-se em hábitos, verás que compensa tentar. A saúde e a vida que tens hoje, vais continuar a ter, por toda a eternidade.

Anúncios

There’s distance in the air and I cannot make it leave
i wave my arms’ round about me and blow with all my might
I cannot sense you close, though I know you’re always here
But the comfort of you near is what i long for

[CHORUS]
When I can’t feel you, I have learned to reach out just the same
When I can’t hear you, I know you still hear everyword I pray
And i want you more than i want to live another day
And as I wait for you maybe I’m made more faithful

All the folly of the past, though I know it is undone
I still feel the guilty one, still trying to make it right
So I whisper soft your name, let it roll around my tounge,
Knowing you’re the only one who knows me
You know me

[CHORUS]

[BRIDGE]
Show me how I should live this
Show me where I should walk
I count this world as loss to me
You are all I want
You are all I want

Há muita gente por aí que luta pelo que sonha. E, mesmo não sendo a maioria, ainda existe um grande grupo de pessoas que alcançam esse sucesso. Com muito esforço, muito trabalho, muitos sacrifícios e perdas, é verdade.
Mas alcançam. E sem ajuda sobrenatural.

Imagina o que poderias alcançar se tivesses Deus do teu lado!…

Quer dizer… posso ser mal-interpretada. Deus não é tipo génio da lâmpada.
Não é Deus ao teu lado; é mais tu do lado d’Ele. (“ok, não percebi a diferença.”)

Simples. Se queres ter sucesso na vida, funciona assim:
Deus manda, tu fazes. Ele anda, tu vais atrás. Ele é o Boss, tu o empregado (única vez em que escrevo boss com letra maiúscula.) Mas tem calma! Não é assim tão mau como soa.

Já alguma vez fizeste um favor a alguém que te ama muito?
Ajudar quem amamos não é nenhum sacrifício, muito pelo contrário.
A coisa que Deus mais quer neste mundo é ter de volta os Seus queridos com Ele, felizes, para sempre.
E Ele só nos pede a nós (nós que acreditamos que Ele existe, e que fala connosco) que O ajudemos! Que colaboremos!

Na realidade, é tudo muito simples:
Deus nos ama, e nos oferece a melhor vida possível.  Nós só temos que aceitar e Ele nos dará os desejos do nosso coração (lindo, né? Infelizmente, não fui eu que inventei, é bíblico).
Isso, só Ele consegue fazer.
A nós, só cabe aceitar a aventura.

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 2.006 outros seguidores

Comentários